07 março 2013

Estrada silenciosa

O que achou? 


A festa tinha acabado de terminar.
Não foi realmente uma boa festa e durou mais tempo do que o esperado. Eu estava cansado e eu realmente só queria ir para casa, é por isso que eu decidi sair daquele inferno, mas como o ar frio correu pela minha cabeça, eu comecei a pensar, eu nunca gostei de ficar sozinha.
Odiada por parte da minha vida, especialmente quando eu estou dirigindo sozinha eu sempre sinto que estou sendo observada, que deve soar estranho e eu sei que é apenas minha imaginação, mas ...... às vezes, só fica para mim.

Meu relógio brilhava no escuro do meu carro, ele mostrava 03h25 AM

Eu ri um pouco por dentro, a maioria das pessoas dizem coisas ruins acontecem às três da manhã, agora você pode me chamar de hipócrita, mas eu não acreditava realmente em superstição, mas o sentimento de solidão parecia crescer a cada segundo até que me dominava completamente .

Ou seja, quando eu o vi.

Ele estava parado lá na beira da estrada acenando por uma carona, mas ele não poderia ter mais de 14, talvez 15 anos.

"Por que uma criança pediria carona a esta hora da madrugada nesta estrada" Eu esperava uma resposta que nunca viria, eu considerei parar por piedade...

Eu nunca fiz.

Eu olhava para a criança e, como eu pude observar, tinha algo brilhante refletindo a luz da lua, quase em forma de faca ...... Mas eu acho que foi só a minha imaginação


Alguns dias mais tarde, eu descobrir que a polícia havia encontrado o corpo de um caminhoneiro, o caminhão estava estacionado, como se esperasse alguém para começar a viagem, ao lado do corpo havia uma faca, e como pude observar nas fotos, a faca era exatamente como a que achei ter visto com o garoto.
O mais estranho é que fiquei obcecada por estudar fenômenos paranormais, e descobri a “Hora morta” que começa as 03:00 PM e termina as 03:59 PM, que seria o inverso da hora da morte de cristo, é nesse momento que os espíritos malignos estão mais “ visíveis” e relativamente mais forte.
Outro fato é que meses depois, pesquisando mortes inexplicáveis de alguns anos atrás em minha cidade, descobri que  um garoto de 13 anos havia sido brutalmente assassinado por um grupo de drogados, o mesmo garoto que me pediu carona.

Agora toda vez que eu dirijo sozinha, eu ainda me sinto como se eu estivesse sendo vigiado, mas agora eu sei que não é só minha imaginação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visualizações