20 fevereiro 2013

Laisy

O que achou? 

Relato de Laisy
Relato de uma leitora do site sobrenatural.org



Nao sei ao certo se vocês ja passaram por isso, mas vo relatar aqui algo que li e presenciei...
Lembra quando você era jovem, embalada com cobertores acima do seu queixo olhando de relance aquele canto escuro da sala… você jura que viu algo se mexer. Mas só havia escuridão, então, de nenhuma maneira, você conseguia ver o que estava lá. Olhando por um longo tempo, você percebe uma silhueta. É quase humano, quase.

Lembra da sua mãe costumava dizer-lhe que monstros não eram reais?

Ela mentiu ou não sabia da verdade.

Essas coisas escondidas na mais profunda escuridão são reais. Eles são perigosos. Mas eles só atacam quando você sabe que eles estão vivos, que estão ali. Opa, talvez eu não devesse ter contado.

Conforme os anos foram passando, comecei a acreditar que o Povo de Sombra eram meus amigos, ou até mesmo meus protetores, como anjos da guarda. Mas, então, as noites tornaram-se aterradoras. Comecei a ver as pessoas de sombra nitidamente nas trevas do meu quarto. Um deles me arremessou longe quando resolvi partir para briga. Outros, contudo, apenas andava pelas trevas, de um canto escuro para o outro, sem muito proposito.

Tempo depois comecei a escutar ruídos. Eram como o vento acariciando as folhas das árvores até que se tornaram sussurros. E quanto mais audível ficava, menos compreendia. Era uma língua que eu não conseguia entender, palavras que produziam sons incomuns, diferentes das nossas. E eles perceberam que eu escutava e cada vez mais, eles surgiam e se amontoavam na escuridão aonde a luz não atingia. Era uma multidão berrando uma língua incompreensível. Não podia mais apagar as luzes.

Corria para cama de meus pais e sacudia-os até acordá-los. Claro, eles não acreditavam, tentando convencer-me que era apenas um sonho ou a minha imaginação.

Mas eu sabia que era o povo de Sombra. Eles me acompanham até hoje com seus sussurros. Acho que eles querem me levar para escuridão. Muitos de vocês já viram eles, mas negam a sua existência e talvez, por isso, eles sumam, não sei explicar. Talvez seja procurem por um tipo especifico de pessoa. Nada é claro. Siga o meu conselho, fique atento as sombras. Há muito mais nelas do que você imagina. Acredite, você nunca está sozinho...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visualizações